Tudo o que você precisa saber sobre Malta - Egali Intercâmbio
Tudo sobre intercâmbio
Malta

Tudo o que você precisa saber sobre Malta

Atualizado em 06 de janeiro de 2017

Malta, por acaso, é um de seus possíveis destinos para fazer um intercâmbio? O país (que, na verdade, é um arquipélago) conquista a maioria das pessoas que o visita por conta de suas belas paisagens e águas muito azuis e claras.

Se você nunca ouviu falar de Malta ou nunca cogitou viajar para o país, talvez, você mude de ideia depois de ler esse post. Isso porque os 316 km² do pequeno arquipélago, integrante da União Europeia, têm muito a oferecer. Vamos conferir!

 

Tudo o que você precisa saber sobre Malta

 

1. Cidades

O arquipélago de Malta é composto por 7 ilhas, sendo que apenas as 3 maiores são habitadas. Dentre essas 3 ilhas, são 8 cidades existentes. Elas são bem próximas umas das outras, chegando até a se parecem com bairros de uma só cidade.

As mais habitadas são La Valetta, Sliema e St. Julian’s. La Valeta é o principal centro econômico do país e possui a maior densidade histórica do mundo (são 320 monumentos!!!), sendo patrimônio histórico pela Unesco desde 1980.

Sliema e St Julian’s ficam na região central do país, elas possuem as residências e hotéis mais modernos de Malta.

 

2. Língua

O inglês é a língua oficial do país, por isso, Malta é uma boa opção para quem quer aprender a língua. Além do inglês, o intercambista também poderá aprender um pouco de maltês (língua nacional do país) e italiano (língua oficial do país até 1934).  

 

3. Comida

A comida de Malta é muito saborosa! A gastronomia do país teve influências espanholas, italianas e turcas, dando uma nova cara para a culinária mediterrânea. São muitos molhos, sopas, pastéis e pratos de massas. Você vai se deliciar por lá!  

 

4. Estações

O arquipélago possui duas estações bem definidas: o verão e o inverno.  Isso porque a primavera é parecida com o verão, e o outono com o inverno.

Os meses de calor são extremamente secos, enquanto os de frio são bem chuvosos. Portanto, fique atento às datas em que você viajará e prepare-se!

Blue Grotto, Malta #BlueGrotto #Malta #Natureza #Landscape #Egali #Intercâmbio Uma foto publicada por Egali Intercâmbio (@egali_intercambio) em

 

5. Temperaturas

No inverno, as temperaturas de Malta variam entre os 9ºC e 16ºC, tendo um vento frio à noite. Porém, ao contrário de outros países da Europa, a maioria dos lugares não possui calefação (não se esqueça de se manter agasalhado!).

Já no verão, os termômetros chegam aos 40ºC tranquilamente, tornando os dias de praia e passeios de barcos ainda mais proveitosos.

 

6. Custo de vida

Viver em Malta é mais barato do que em outras cidades europeias. As refeições de qualidade, por exemplo, custam de 6 a 15 euros.

No entanto, o salário mínimo é 3 vezes menor do que em outros países da Europa.

Essa é a Popeye Village na Anchor Bay em Malta #PopeyeVillage #AnchorBay #Malta #Beach #Europe #Egali #Intercâmbio Foto de @kyrenian

Uma foto publicada por Egali Intercâmbio (@egali_intercambio) em

 

7. Vida noturna

Como dissemos nesse post, Saint Julian’s é o point das baladas em Malta. O agitado bairro de Paceville fica cheio em todos os dias da semana.

Apesar desse agito todo, nem pense em fazer o intercâmbio, se matricular no curso de inglês e não aparecer nas aulas. A imigração fica de olho nisso e você pode correr o risco de voltar pra casa.  

 

8. Cultura

A cultura maltesa tem muitas influências inglesas e italianas. Isso porque a Itália governou Malta até 1934 e a Inglaterra até 1964, quando o arquipélago tornou-se independente.

Segundo o Ato dos Apóstolos, a ilha foi o lugar em que São Paulo se instalou após naufragar. E isso tornou a Igreja Católica bem influente no país, um exemplo dessa influência é que o divórcio e aborto são proibidos por lá.

 

9. Visto

Se o seu intercâmbio for de até 3 meses, você não precisará de visto. Porém, se você pretende ficar mais do que esse período, confira o nosso post sobre o Visto em Malta, assim você poderá saber o que fazer.

Ah, e lembrando que estudantes não tem permissão para trabalhar no país.

 

10. Passagens

Não existem voos diretos do Brasil para Malta, você provavelmente terá que fazer uma parada na Itália e depois pegar um avião para lá.

As passagens aéreas para sair do país para o resto da Europa custam mais do que a de outros lugares para Malta. Curioso, né?

Quem aqui já conheceu essa praia em Malta? 😉 #Malta #Praia #Paraíso #Europa #Egali #Intercâmbio

Uma foto publicada por Egali Intercâmbio (@egali_intercambio) em

 

Agora que você já sabe tudo sobre Malta, se convenceu de que o arquipélago é o lugar ideal para o seu intercâmbio? O país é realmente tudo de bom e passar um tempinho nele será uma experiência inesquecível! 😍

 

Fonte: Descubra o Mundo.

  • Por
Olá! Posso Ajudar?