Papo de Intercambista | Toronto - Egali Intercâmbio
Eu fui de Egali

Papo de Intercambista | Toronto

Atualizado em 19 de fevereiro de 2015

O Érick Luchtemberg da Egali Intercâmbio – Caxias do Sul,  indicou a Camila Borghetti para contar um pouco da experiência de intercâmbio dela em Toronto. Quer saber mais? Confere aí!

“Escolhi Toronto – Canadá, a quarta melhor cidade do mundo para morar.

Particularmente, uma das melhores coisas daqui é o estilo de vida. Ele nos oportuna ter contato com diversas línguas e culturas, pois o país é multicultural. Há várias religiões, bairros e festivais que oferecem tradições de vários países. Além do que, pode-se escolher ter uma vida mais urbana ou mais reservada, dependendo do bairro em que você mora.
Além da segurança da cidade e da facilidade com o transporte público, que dispõe de muitas informações aos usuários facilitando o deslocamento, se você precisar de informações as pessoas também farão o possível para entender e ajudar. Você dificilmente será ignorado ou vai ficar sem saber pra onde ir.

IMG_4116

IMG_5439

A cidade oferece muitos tipos de night club, bares, pubs, boliches, cafés… tem para todos os gostos. A noite começa cedo e termina cedo, se compararmos ao Brasil. O pessoal costuma ir direto do trabalho para pubs, restaurantes e bares ou ir mais tarde para os night clubs. Saiu uma matéria aqui no jornal dizendo que os jovens preferem clubes menores, mais reservados, para se divertir. Em alguns lugares, se você chegar na festa por volta de 22h, não precisará pagar ou tem como colocar o nome em uma lista VIP online e terá sua entrada e de seus amigos liberada até por volta de 23h. Varia de lugar para lugar o horário para entrar grátis ou com nome nessa lista. Muitas casas são gratuitas para mulheres e depende do dia da semana pode estar acontecendo uma festa especial no lugar e ser mais caro do que o valor normal.

Há um famoso pub chamado Madison Avenue Pub, muito frequentado por estudantes e intercambistas (e devo admitir que é bem divertido mesmo). Um bar com três andares com opção de jogos e pista de dança, além de ser restaurante. Dentre os meus preferidos estão lugares como Grace O’Maley, um bar com música ao vivo e pista de dança e Spice Route Bistro, restaurante/bar. São tantas as opções que vai depender mesmo da idade e do gosto de cada um. Acabo de conhecer duas boates que achei de boa qualidade. Uma se chama Maison e a outra opção e um restaurante/boate chamado Buonanotte. Há em Toronto três bares Brasileiros que se destacam. São eles: Maná Bar, Vivid e Touché, nos quais rola musica Brasileira com bandas ao vivo e depois Dj. Eu gosto muito de música latina então frequentei lugares como Babalúu, El Convento Rico e Lula Lounge. Mas, como comentei, depende muito da região da cidade em que você está morando e da preferência de cada um.

A gastronomia é muito diversificada, como tudo por aqui. Toronto oferece restaurante de variadas culturas e países. Além dos restaurantes, existem os Festivais Gastronômicos e Festivais Culturais que reúnem muita comida variada. O Canadá tem uma cultura forte de Fast Food como Pizza e Hamburguer à vontade em cada esquina, mas também há restaurantes sofisticados com todos os tipos de cozinha. O Poutine é com certeza a comida canadense mais famosa (Batata Frita com molho e queijo). Uma opção que não é comum em Toronto são os Buffets. Eu conheço apenas duas opções. Uma delas chama-se Mandarin que é famoso e antigo na cidade. Basicamente nos restaurantes as pessoas pedem pratos específicos, com opção de entrada, salada, prato principal e sobremesa ou só prato principal mesmo. Carne de gado é geralmente uma das opções mais caras e mais raras no cardápio. Muito mais comum e barato são peixes e frango.

Restaurantes Brasileiros são uma boa opção pra matar a saudade do Brasil. O mais famoso deles é a minha próxima pedida: Copacabana, ouvi falar que vale muito a pena experimentar. Rodízio de Carnes e saladas e tudo mais que possamos ter saudades tem lá. Tem também outros que são Brasileirissimo, Rio 40 graus e Brasilian Star.

Aqui em Toronto o custo de vida é alto. As compras devem ser bem planejadas para que não haja desperdício de dinheiro.

Temos Shoppings com lojas de marca famosas mundialmente (Gucci, Prada, Mickael Kors, H&M, Forever XX1, Victoria Secret, etc) e algumas marcas locais como: Roots (roupas, bolsas, calçados) e Canada Goose (jaquetas de inverno). Uma das ruas mais caras do mundo também está em Toronto. A Bloor Street oferece lojas como Chanel, Louis Vuitton, Hermès, Celine, Gap, Rolex e outras no mesmo tipo! Outra opção, mais acessível para este tipo de consumidor, seguindo a linha de produtos super finos, é a chamada loja Hudsons Bay, loja de departamento com marcas renomadas.

A Winners é uma loja de departamento/outlet toda com descontos. Podemos encontrar roupas, calçados, bolsas, acessórios em geral de marcas conhecidas com preço bem acessível. A loja é excelente pra comprar perfumes, shampoos, makes da Elf, Revlon, Maybelline e esmaltes Essie (Resort Collection) e da OPI!

A Walmart é uma loja de departamento/supermercado. Encontramos roupas, casa, mesa, banho, comida, artigos de decoração, eletrodomésticos, etc, com preço bem acessível.

Além do Distrito Fashion (Queen Street West) que é muito conhecido pelas lojas com designers próprios e roupagem moderna de acordo com o estilo canadense de se vestir. Não posso deixar de citar os brechós que são muitos espalhados pela cidade, são famosos e também com valor muito acessíveis.

Sugiro como Day Trip: Blue Montain (Sky – Snowboard) / Snow Valley (Sky – Snowboard) / Niagara Falls / Niagara on the Lake / Toronto Island (dentro da cidade). Berry / St. Jacob / Wasaga Beach / Georgian Bay Beach – Cidades Pequenas próximo à Toronto

Weekend trip: French Canada / 1000 Island / Niagara Falls – USA / Montreal / Ottawa / Quebec City

IMG_0251

IMG_0433

IMG_0840 (1)

Não tive grandes problemas com adaptação. O pessoal em Toronto é muito hospitaleiro e gentil. Claro que sentimos falta da comida, dos amigos, das nossas tradições, mas aqui tudo acaba funcionando direitinho. O transporte não é perfeito (as vezes ficamos parados no metrô por causa de algum engarrafamento/delay ou, as vezes, o metrô está lotado), mas geralmente funciona bem, sempre no horário marcado e há opções de transporte na madrugada, sempre com segurança.

Toronto é uma cidade bacana, bem tranquilo conhecer a cidade e conversar com pessoas de todo o mundo que imigram ou que estão de passagem. Uma curiosidade daqui é que antes de uma pessoa perguntar o seu nome ela pergunta de onde você é originário e quanto tempo está na cidade/quanto tempo vai ficar. Seu nome não é mais prioridade. Além disso, canadenses quase nunca dizem que são canadenses. Eles sempre falam o background, ou seja, de onde a família ou os pais são originários, mesmo que eles tenham nascido no país.

Outra curiosidade é sobre como funciona muito bem os encontros online. As pessoas realmente utilizam um famoso aplicativo para encontrar seus pares e marcar um encontro ou sair para jantar. E o menino já vai sabendo que é ele quem paga a conta do primeiro encontro. Muitas meninas se aproveitam disso e saem com um por dia, quase.

Fones de ouvido e o celular eu considero o acessório mais utilizado em Toronto. Muitas pessoas ouvem música nas ruas e metrôs.

Tem algumas características de Toronto que são muito diferentes. Vou citá-las abaixo:

1. Impostos não estão incluídos nos preços. O preço da etiqueta não é o valor que você vai pagar no caixa. Em Ontario o valor do imposto é de 13%. Todos os produtos e serviços tem esse acréscimo no preço final.
2. Você deve manter-se a direita na escada rolante. Essa regra deve ser seguida a risca. Se você não está com pressa deve ficar do lado direito. Se você esquecer, com certeza vai ouvir um “excuse-me “ e vai ter que se colocar a direita, ou subir mais rápido, pois as pessoas querem passar.
3. As famosas Gorjetas são comum em restaurantes, bares, boates, táxis e prestadores de serviços. O valor varia entre 10 a 15% do valor gasto no local, sem os impostos. Os atendentes (garçons) esperam que você pague as “tips“ como forma de agradecimento pelo serviço prestado. Você não precisa pagar gorjeta nos serviços de balcão como Mc Donalds e cafés da cidade (Starbucks – Tim Hortons).
4. A preferência é de quem está saindo. Principalmente para o transporte público quem está de saída tem a preferência. Essa é uma boa forma de facilitar o fluxo e agiliza a entrada no metrô, ônibus ou Streetcar.
5. Leve sua própria sacola ao supermercado. Alguns lugares as sacolas plásticas são cobradas a parte.
6. Ao chegar em qualquer casa deverá tirar os sapatos. Algo que me chamou atenção, pois é um costume na casa da minha mãe. Quando vamos visitar alguém, é comum tirarmos os sapatos antes de entrar, um costume que ajuda a manter a sujeira da rua fora de casa, principalmente no inverno que os sapatos acumulam neve e sal.
7. Bebidas alcóolicas: Só é possível comprar bebida alcóolica em lojas especializadas (LCBO e Beer Store) e, mesmo em festas e restaurantes, o consumo é permitido somente até às 2:00 da manhã. Também não é permitido consumir bebidas nas ruas ou postos de gasolina como no Brasil.

Decidi fazer intercâmbio aos 28 anos. Iniciei a busca por agências de intercâmbio e, dentre 5 opções de agências e escolas no exterior pesquisadas, escolhi a Egali pelo atendimento e preço (custo/benefício) do intercâmbio. Não tive nenhum problema ou dúvida em relação ao atendimento ou serviços. Contatei a Egali enquanto no Brasil e quando eu estava no Canadá. Sempre fui atendida com eficiência. A opção do atendimento online é muito interessante e os documentos ficam armazenados lá, caso você precise deles novamente. Desde seguro saúde, vistos, passagem aérea, homestay, escola, cartão travel money e dúvidas foram muito bem atendidas/solucionadas. Um diferencial interessante foi um bate papo com intercambistas no qual conheci pessoas que estavam viajando para o Canadá e um intercambista que tinha acabado de chegar de Toronto e me contou sua experiência e me tranquilizou quanto a detalhes da cidade/país. Além de tudo o garoto se tornou meu amigo e conversamos até hoje trocando experiência.

Obrigada pela oportunidade. Estou a disposição caso algum intercambista queira tirar dúvidas.
Meu nome é Camila Borghetti – camilaborghetti@gmail.com”

Camila, nós é que te agradecemos por tantas dicas e informações valiosas! 🙂

Que muitos outros intercambistas tenham uma experiência tão incrível quanto a sua!

  • egali
    Por egali