Austrália: o que você precisa saber para viver no país - Egali Intercâmbio
Especial Austrália
Austrália

Especial Austrália: o que você precisa saber para viver no país

Atualizado em 06 de setembro de 2018

Neste novo post do nosso Especial Austrália, nós vamos informar sobre algumas questões essenciais que você precisa saber antes de ir para o país. Entendemos que muitas das dúvidas dos intercambistas antes do embarque estão relacionadas a questões de necessidades básicas como: o que eu vou comer no destino? Como vou me locomover durante a estadia? Onde vou morar? Como vou ter acesso à internet e a telefonia móvel? Quanto custa tudo isso? Por isso, separamos em 6 categorias os principais serviços que você provavelmente precisará utilizar durante o intercâmbio e quanto isso vai lhe custar.

Antes de continuarmos o nosso post, se você ainda não leu o restante dos posts desse especial clique para saber tudo sobre como fazer intercâmbio de estudo + trabalho em terras australianas, ou confira também o guia da documentação para estudar e trabalhar no país, conheça quais são as 6 melhores cidades para fazer o seu intercâmbio na Austrália ou então descubra por esse outro post por que esse é o destino ideal para o seu intercâmbio.

Austrália: o que você precisa saber para viver no país - aussie

Como já mencionamos neste postAustrália foi considerada o segundo melhor país para viver no mundo pela Organização das Nações Unidas (ONU) em seu último boletim sobre Desenvolvimento Humano. Não é à toa que o destino encanta imigrantes de todo o mundo, todos querem viver em um dos países mais prósperos do mundo.

Mas, para isso, é preciso ter uma ideia de como é e de quanto custa fazer coisas cotidianas na Austrália. E é por isso que estamos aqui! Descubra a seguir como e quais são os gastos com alimentação, transporte, acomodações, internet (WI-FI e móvel), saúde e lazer em terras australianas.

 

Alimentação

Austrália: o que você precisa saber para viver no país - barbie

Por conta da Austrália ter sido colonizada por ingleses sua gastronomia possui muitas influências britânicas. Comidas como tortas, sausage rolls e fish & chips são muito comuns lá. Apesar dos alimentos calóricos herdados pelo tempo da colonização, o país é considerado o 5º mais saudável do mundo, segundo o Bloomberg Global Health Index.

Esse índice é calculado com base da expectativa de vida, causas de morte, incidência de pressão alta no sangue, índices de glicose, uso de tabaco e atividades físicas da população. Além disso, fatores como desnutrição infantil, saúde mental, vacinação e emissão de gases que causam o efeito estufa também são levados em consideração.

Austrália: o que você precisa saber para viver no país - influências

A grande quantidade de imigrantes asiáticos na Austrália e a proximidade com a Ásia acaba influenciando a gastronomia do país. Isso, pode ser um dos fatores que ajuda o povo australiano a manter uma dieta mais saudável.

Como você já deve ter percebido, o país não possui uma gastronomia tão típica ou exclusiva. Porém, lá é possível desfrutar de um mix de cozinhas do mundo todo! Melbourne, por exemplo, ganhou fama internacional por sua culinária, que é uma mistura entre as cozinhas mexicana, oriental, europeia e árabe.

Austrália: o que você precisa saber para viver no país - vegemite

Mesmo com influências de vários países, a Austrália também tem alguns pratos e ingredientes únicos em sua gastronomia. O Vegemite, por exemplo, é uma iguaria muito famosa entre os australianos, sendo até um ícone do país. Ele é uma espécie de geleia de vegetais, que também leva a levedura de cerveja em sua receita. O típico café da manhã australiano tem torradas com Vegemite.

E não é só no Brasil que existe a tradição do churrasquinho no final de semana, na Austrália isso também é muito comum. São os chamados “barbies” (abreviação de barbecue). A única diferença é que as carnes utilizadas são salsichas e hambúrgueres, mas a confraternização com a família e amigos é a mesma. 

Austrália: o que você precisa saber para viver no país - café da manhã

Além disso, o café da manhã é considerado a refeição mais importante do dia. Os almoços não costumam ser como os dos brasileiros, são fast foods para viagem que podem ser comidas em parques e lugares públicos. Lembrando que fast foods não precisam ser necessariamente junk foods, normalmente, os australianos preferem uma torrada de avocado ou uma saladinha.

Para os intercambistas que vão viver por no mínimo 3 meses na Austrália, a dica é cozinhar em casa. Assim, os gastos serão menores. Sem contar que é bem comum ter micro-ondas disponíveis nas universidades e escolas.

Saiba mais sobre os pratos típicos da Austrália neste post. Abaixo, você pode conferir quanto você vai gastar com alimentação em algumas cidades australianas:

Austrália: o que você precisa saber para viver no país - tabela alimentação

 

Transporte

Austrália: o que você precisa saber para viver no país - transporte

Comparando com a realidade brasileira, o transporte público da Austrália é muito moderno e bem estruturado. Ônibus, trens, bondes e balsas estão entre as opções de transporte nas cidades, e cada localidade possui uma tarifa própria.

Perth, por exemplo, tem um meio de transporte gratuito. O CATS (Central Area Transport Service) é responsável por circular todo o centro de negócios da cidade.

Austrália: o que você precisa saber para viver no país - transporte 01

No entanto, esse assunto é delicado para os australianos. Em várias matérias para jornais locais, os australianos se mostram insatisfeitos com seu transporte público. Nessas duas reportagens (aqui e aqui), por exemplo, eles se mostram inconformados com a qualidade dos transporte público das cidades do país (Sydney, Melbourne, Brisbane e Perth), que fez com que elas ficassem mal posicionadas no Sustainable Cities Mobility Index.

Essa insatisfação pode ser explicada nesta matéria, que fala sobre o nível de exigência dos australianos em relação ao transporte público. Eles fazem muitas comparações com os transportes públicos de outras metrópoles mundiais como Londres, Nova York e Tóquio, mas não levam em consideração o tamanho e a quantidade de população das cidades australianas.

Austrália: o que você precisa saber para viver no país - transporte 02

Na maioria das formas de transporte, o passageiro pode comprar bilhetes só de ia, só de volta, para semana, para o mês e, até mesmo, para o ano inteiro. Também estão disponíveis bilhetes únicos para viajar em todas as formas de transporte.

Algumas grandes cidades da Austrália podem se dividir em zonas de transporte. Por isso, os preços dos bilhetes podem ser mais caros dependendo da zona em que você viaja. Caso você tenha apenas um bilhete de uma zona específica e deseja viajar, é possível fazer isso pagando a diferença. Nos terminais existem mapas disponíveis para identificar as zonas da cidade.

Austrália: o que você precisa saber para viver no país - transporte 03

Nas paradas de ônibus, existem placas com informações de quais ônibus passam, com rotas e horários. É preciso ter cuidado porque os ônibus não param em todas as paradas, apenas se alguém quer descer ou se um passageiro vai subir. É preciso ter atenção, pois em alguns ônibus é preciso comprar o bilhete antes. Trens, bondes e balsas param em todos os pontos, a menos que sejam do tipo “express”.

Abaixo, você pode ter uma ideia de quanto gastará com transporte em algumas cidades da Austrália:

Austrália: o que você precisa saber para viver no país - tabela transporte

 

Acomodação

Austrália: o que você precisa saber para viver no país - acomodação 01

Outro fator que interessa aos estrangeiros na Austrália é a acomodação, e em como todos os outros aspectos, depende da cidade que você escolheu para viver. Infelizmente, Sydney e Melbourne estão na lista das 24 cidades com o aluguel de apartamentos mais caros do mundo, segundo a Business Insider.

A boa notícia é que essa lista é bem específica, levando em consideração o aluguel de um apartamento de 2 quartos. Provavelmente, você não consiga bancar esse tipo de aluguel sozinho, então, dividir as contas com outras pessoas é uma alternativa bem comum entre os intercambistas na Austrália.

Austrália: o que você precisa saber para viver no país - acomodação

Além disso, é comum que, na chegada ao intercâmbio, os estudantes fiquem uma ou duas semanas hospedados em casa de estudantes ou homestays. Essa acomodação inicial, geralmente, faz parte do pacote de estudo e trabalho na Austrália. Assim, os intercambistas têm tempo de procurar apartamentos para ficarem por mais tempo e fazem contatos com possíveis colegas de casa.

Nas outras cidades, que são menores, o valor do aluguel fica mais baixo. Como falamos neste post, o padrão de vida das grandes metrópoles australianas é um pouco mais caro.

A acomodação escolhida deve se adaptar às necessidades do intercambistas, pensando sempre no melhor preço e estrutura. Alguns fatores que podem ajudar nessa escolha são: dormitórios, limpeza, localização, privacidade, qualidade dos móveis, internet, regras e disponibilidade dos eletrodomésticos.

A tabela abaixo mostra quanto mais ou menos você vai gastar com acomodação na Austrália:

Austrália: o que você precisa saber para viver no país - tabela acomodação

 

Internet e celular

Austrália: o que você precisa saber para viver no país - internet

Algo essencial para quem vai fazer intercâmbio em qualquer lugar do mundo é internet Wi-Fi e um celular com internet, e isso não seria diferente na Austrália.

Lugares como restaurantes, escolas, cafés e, até mesmo, as acomodações das primeiras semanas de intercâmbio possuem Wi-Fi. No entanto, é um pouco complicado depender apenas da internet desses lugares, por isso, contratar um pacote de internet para a sua acomodação e um pacote de dados para o celular podem ser boas ideias.

Algumas empresas de internet/internet móvel conhecidas na Austrália são: Virgin, Vodafone, Optus, Telstra y Amaysim. Os preços dos serviços de internet vão depender do tipo de serviço que você deseja ter, mas o custo fica em torno de 70AU$ a 90AU$ para internet Wi-Fi em casa 30 AU$ a 50 AU$ por mês no celular.

O lado bom de dividir um apartamento com mais pessoas é que até a internet fica mais em conta.

 

Saúde

Austrália: o que você precisa saber para viver no país - saúde 01

O Medicare, sistema de saúde australiano é considerado um dos melhores do mundo pela Organização Mundial da Saúde. Ele funciona a partir de misturas dos serviços público e privado. Esse sistema contribui para que a Austrália seja o país que tem a expectativa de vida mais elevado no mundo para homens (80,4 anos) e a quarta mais alta para mulheres (84,5).

Apesar de ser excelente, o Medicare possui uma gestão multifacetada e complexa. Quem tem residência permanente na Austrália deve contratar um plano de saúde privado, pois apenas alguns serviços são pagos pela rede pública. Para nós, brasileiros, esse sistema pode parecer confuso, mas o que realmente importa é que ele é supereficiente.

Austrália: o que você precisa saber para viver no país - saúde

O Medicare está disponível apenas para cidadãos australianos ou para quem possui residência permanente na Austrália. Os intercambistas precisam contratar o OSHC, um seguro que cobre os custos de assistência médica e hospitalar. O Departamento de Imigração e Cidadania do país exige que estudantes estrangeiros mantenham o OSHC durante o período de tempo do intercâmbio.

Caso o intercambista ache necessário, ele também pode fazer um seguro viagem. Além de despesas médicas e hospitalares, esse tipo de seguro também cobre perdas de bagagem durante a viagem.

 

Extras

Austrália: o que você precisa saber para viver no país - lavanderia

Toda viagem tem custos extras, num intercâmbio isso é bem comum, visto que você vai morar no país por um tempo. Por exemplo, serviços de lavanderia podem variar entre 5 AU$ a 15 AU$.

A boa notícia é que dificilmente o intercambista terá esse tipo de gasto, pois é bem comum que nas acomodações seja possível lavar roupa sem custos extras. Porém, você vai precisar (e merece) se divertir! Então é bom ter uma graninha reservada para ingressos de museus, cinemas, teatros e festas ou se deseja comer num bom restaurante.

Abaixo, você pode ter uma ideia de quanto gastará com lazer (por semana) no seu intercâmbio na Austrália:

Austrália: o que você precisa saber para viver no país - tabela lazer

 

Como já falamos no início do texto, o custo de vida australiano pode parecer caro logo de cara, mas, a excelente qualidade de vida do país precisa vir de algum lugar. Não é como se os gastos sejam altos e as pessoas não recebam um tratamento adequado, pelo contrário, foi comprovado que a Austrália é um dos melhores países para viver no mundo!

Graças a permissão do trabalho que o governo australiano oferece aos estudantes estrangeiros, o salário que eles recebem podem ajudar muito nos gastos. Outra vantagem de fazer um intercâmbio na Austrália!

Se você quer saber informações sobre o programa de estudo mais trabalho na Austrália, entre em contato com os nossos consultores por aqui. Até a próxima publicação!

 

Veja também:

Especial Austrália: por que o país é o destino ideal para o intercâmbio

Especial Austrália: 6 melhores cidades para fazer seu intercâmbio

Especial Austrália: guia da documentação para estudar e trabalhar

Especial Austrália: Tudo sobre fazer intercâmbio de estudo + trabalho em terras australianas

Austrália: o que você precisa saber para viver no país - botão

  • annachies
    Por annachies Blogueira/Vlogueira que deseja conhecer o mundo todo. Acredita que o intercâmbio é uma experiência incrível e fará de tudo para te convencer disso! Quer trocar uma ideia comigo? @annacchies (em todas as redes sociais)