Especial Austrália: guia da documentação para estudar e trabalhar
Documentações e visto
Austrália

Especial Austrália: guia da documentação para estudar e trabalhar

Atualizado em 06 de setembro de 2018

Agora que você já sabe como é estudar e trabalhar em terra australianas, que tal saber mais sobre o próximo passo para o seu intercâmbio na Austrália? Este será um passo muito importante para a permanência e permissão de trabalho no país.

Para começar a aplicação do visto de estudante para a Austrália, você precisará comprovar o seu interesse e capacidade de estudar no país. Por isso, você precisará estar com todos os documentos necessários e mostrar que está disposto a viajar para a Austrália em busca de um melhor ensino. Então, todo esse processo fica muito mais simples com a ajuda de uma agência especializada no assunto. E a boa notícia é que a Egali tem um setor especializado em vistos!

Pensando em te ajudar a saber mais sobre a documentação para estudar e trabalhar na Austrália, vamos te mostrar todas as informações neste segundo post do nosso Especial Austrália.

 

O visto é a parte mais importante na preparação para o seu intercâmbio

Especial Austrália: guia da documentação para estudar e trabalhar - 01

Primeiro, vamos explicar melhor sobre o que é o visto. O visto é um documento emitido pelo governo de um determinado país, que dá a permissão da pessoa ir até a “porta de entrada” do país. As embaixadas e consulados do destino são responsáveis por emiti-lo no seu país de origem.

É importante ressaltar que uma pessoa será considerada um imigrante ilegal se entrar no país sem o documento ou não cumprir as condições de um visto específico. Ou seja, o visto garante que você pode dar o primeiro passo rumo ao seu intercâmbio: embarcar para o país de destino!

Existem vários tipos de vistos, mas para um intercâmbio de estudo e trabalho na Austrália, você precisará do visto de estudante. A solicitação será necessária quando o intercambista desejar estudar por mais de 14 semanas. Em geral, o visto é válido por todo o período do curso e mais 30 dias de férias. Também permite que o aluno trabalhe 20 horas por semana (no período de férias, é possível trabalhar por tempo integral).

Atenção: o processo de aplicação do visto de estudante para a Austrália deve ser iniciado por volta de 85 dias antes do embarque.

 

Quais são os documentos necessários para a aplicação do visto de estudante?

A aplicação do visto é realizada por meio de uma plataforma online da imigração e, para isso, você terá que reunir alguns documentos. Abaixo, apresentamos uma breve explicação desse processo:

 

1) Passaporte

Especial Austrália: guia da documentação para estudar e trabalhar - 02

Assim como o visto, o passaporte também é um documento muito importante para o seu intercâmbio. Sem ele, é impossível fazer a aplicação do visto. Certifique-se que seu passaporte é válido por toda a duração do intercâmbio.

Caso você não tenha um passaporte, pode pegar mais informações neste post.

 

 

2) Letter of offer

Especial Austrália: guia da documentação para estudar e trabalhar - 02

Este documento é uma carta que as escolas da Austrália emitem como parte do seu processo de matrícula. Nele, você poderá conferir as condições e as datas do seu curso.

 

3) Formulário 956A

Especial Austrália: guia da documentação para estudar e trabalhar - 03

Basicamente é um documento que permite que uma agência de intercâmbio faça o processo de visto para o aluno.

 

4) Carta de intenções

Especial Austrália: guia da documentação para estudar e trabalhar - 04

Esta carta é outro documento superimportante para o seu intercâmbio. É através da carta de intenções que você deve convencer o oficial de que tem interesse verdadeiro em estudar e que não está usando o visto como uma forma de conseguir residência e trabalho lá. A carta é o ponto central da análise da sua solicitação e é partir dela que o oficial da imigração avaliará se seu visto será aprovado ou não. Por isso, fique atento a este documento e pense bem no que vai escrever. Seu consultor aqui na Egali vai te ajudar com isso, fazendo sugestões e correções para que as chances de aprovação do seu visto sejam bem altas!

Já que cada aluno possui uma história de vida diferente, por isso não recomendamos que você copie um modelo da carta da internet ou de outros conhecidos. Você deve escrevê-la da maneira mais pessoal, com muita sinceridade e sendo o mais específico possível. A imigração pede que a carta seja escrita em inglês. Para te ajudar, nossa equipe especializada em vistos vai apresentar um roteiro de perguntas que deve orientar a sua carta.

 

5) Comprovação financeira

Especial Austrália: guia da documentação para estudar e trabalhar - 04

A embaixada precisa saber se você terá condições financeiras para se sustentar na Austrália durante seu intercâmbio. Eles estipulam um valor mínimo a ser comprovado através de extratos bancários.

Se você não tem como fazer a comprovação sozinho, pode pedir para que um familiar seja o seu patrocinador. É importante que o patrocinador seja um parente próximo. Essa pessoa terá que escrever uma carta afirmando que é financeiramente responsável por você, além de apresentar documentos (extratos bancários, imposto de renda, contracheques…) comprovando que possui o valor mínimo exigido pela imigração.

 

6) Outros documentos

Especial Austrália: guia da documentação para estudar e trabalhar - 05

Alguns documentos extras que serão necessários para comprovar certas questões como a sua escolaridade, trabalho, casamento, filhos, etc.

 

Afinal, quanto tempo terei que esperar pela resposta do visto?

Especial Austrália: guia da documentação para estudar e trabalhar - 06

Não existe um tempo máximo de espera determinado pela imigração australiana. O período de análise dos documentos varia para cada estudante. Alguns processos podem ser mais rápidos, outros mais lentos…

Como a documentação pode variar dependendo de cada perfil, não há um tempo fixo para o resultado das análises. Porém, aqui na Egali ficamos de olho nos dados da Imigração. Assim, sabemos que atualmente eles estão levando em torno de 30 dias para dar uma resposta para a maioria dos casos.

 

Por que fazer um intercâmbio com uma agência facilita o procedimento

Especial Austrália: guia da documentação para estudar e trabalhar - 06

O processo de solicitação de um visto é supercomplexo. São dezenas de regras, leis, condições e documentos exigidos. A aplicação deve – obrigatoriamente – ser feita pelo sistema da imigração, que é todo em inglês.

Por isso, é recomendado que você tenha o auxílio e o suporte de um especialista. Aqui na Egali, temos um setor especializado em vistos. Nosso time lida com centenas de aplicações por mês e frequentemente participa de treinamentos propostos pela própria Embaixada da Austrália. Com mais de 90% de sucesso em aplicações desse tipo. Temos a experiência e a confiança necessárias para ajudar você!

Para que você entenda melhor: o procedimento é completamente online (todos os documentos devem ser digitalizados) e a nossa equipe se encarrega de administrar o processo, mantendo o intercambista informado. Assim, o estudante não precisa se preocupar em levar seus documentos e papéis até uma embaixada australiana e enfrentar um monte de burocracia.

 

Agora, encerramos a segunda parte do Especial Austrália, onde vamos te dar todas as informações para fazer um intercâmbio com permissão de trabalho no país. Não perca as próximas publicações!

Se você quer mais informação, fale com um de nossos consultores aqui.

  • annachies
    Por annachies Blogueira/Vlogueira que deseja conhecer o mundo todo. Acredita que o intercâmbio é uma experiência incrível e fará de tudo para te convencer disso! Quer trocar uma ideia comigo? @annacchies (em todas as redes sociais)
Olá! Posso Ajudar?